Governo Federal quer aumentar taxas de vacinação contra sarampo

Em comunicado oficial enviado nesta terça-feira, dia 19, à Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS), o Ministério da Saúde confirmou um caso de sarampo endêmico ocorrido no Pará em fevereiro deste ano. Com isso, o Brasil perde a certificação de país livre da doença e iniciará um plano para retomar o título dentro dos próximos 12 meses.

Por esse motivo, o governo federal planeja colocar em prática um pacote de ações para reverter a queda das taxas de vacinação, grande culpada pela volta do sarampo. As taxas de vacinação decaem desde 2003 no país.

Segundo o governo federal, no ano passado a estimativa é que apenas 80% da população brasileira tenha se imunizado contra a doença, o que é longe de ser o ideal: elas devem ser elevadas a pelo menos 95%, segundo o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta.

O ministro fala em encaminhar ao Congresso Nacional algumas medidas para reverter o quadro, como passar a exigir o certificado de vacinação ao ingresso nas escolas e no serviço militar, de maneira não impeditiva. Além disso, o ministério pensa em fazer da vacinação uma norma para os trabalhadores da saúde.

Sobre a doença

Nos últimos anos, casos de sarampo têm sido identificados em todo o mundo e, segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), o maior número de casos da doença está nos continentes europeu e africano.

No Brasil, desde o início do ano 48 casos já foram reportados e na Venezuela este número sobe para preocupantes 283, surto este que foi o responsável pela reintrodução da doença no país. Para o ministro, o cenário demonstra a necessidade de um esforço intranacional para a contenção do sarampo.

As vacinas tríplice viral e tetraviral protegem contra a doença e você pode imunizar-se aqui, na Medvacinas. Lembre-se: as complicações do sarampo podem deixar sequelas, tais como: diminuição da capacidade mental, cegueira, surdez e retardo do crescimento. O agravamento da doença pode levar à morte de crianças e adultos.

Fonte: http://portalms.saude.gov.br

Etiquetas: , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ACOMPANHE

Av. Onze de Agosto, 1818, Vila Embaré
Valinhos/SP - CEP 13.271-210
(19) 3327-5554

Horário de Funcionamento:

Segunda a Sexta:
08:00 às 18:00
Sábado:
08:00 - 12:00

Desenvolvido por Semeia Propaganda